POLÍTICA LOCAL
 
Maioria socialista na Câmara rejeita propostas dos vereadores PSD para apoio às famílias e às empresas
 
Comunicado social-democrata fala em «insensibilidade face ao quadro sócio-económico que vivemos»
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
COMUNICADO PSD AROUCA | Na reunião do Executivo Municipal realizada no passado dia 22 [esta terça-feira], os Vereadores do Partido Social Democrata (PSD) apresentaram um conjunto de propostas no intuito de promover o indispensável apoio às famílias e às empresas face ao quadro socioeconómico que vivemos. Lamentavelmente a maioria socialista que (des)governa o município rejeitou-as.
Este pacote de medidas passava:
a) Pela devolução de 2% do IRS aos Arouquenses, dado que os municípios têm direito, em cada ano, a uma participação variável até 5%, no Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares dos sujeitos passivos com domicílio fiscal na respetiva circunscrição territorial, podendo ficar com o valor total ou devolvendo parte ou o todo aos seus munícipes.
b) Suspensão do pagamento de todas as licenças de utilização de via pública, como esplanadas, toldos, banca, quiosques, etc., durante o ano de 2023;
c) Isenção das taxas da feira quinzenal durante o ano de 2023;
d) Isenção das taxas de secretaria para comércio e serviços durante o ano de 2023;
e) Criação de uma linha de apoio financeiro de emergência às IPSS que têm respostas sociais dirigidas a sectores mais vulneráveis da população – pessoas idosas, crianças, jovens em risco, cidadãos portadores de deficiência;
f) Concretização das medidas de apoio ao comércio e às empresas, nomeadamente na dinamização de um programa especial de microcrédito municipal destinado a apoiar as pequenas empresas.
É nossa convicção que o município pode e deve ter um papel importante no atenuar das consequências resultantes da crise inflacionista e da escalada de preços, do qual resulta o enorme aumento do custo de vida.
Em complemento às medidas apresentadas pelo Estado Central a concretização deste plano municipal continua a ser para o PSD e para os seus autarcas julgado crucial.
A maioria absoluta socialista revelou-se, mais uma vez, insensível ao não mostrar abertura para qualquer uma destas justas e prementes medidas.
Fica a perder Arouca e os arouquenses. Arouca, 23 de novembro de 2022. O Presidente da Comissão Política, Vítor Soares
 
Arouca

Terça, 29 de Novembro de 2022

Serviço temporariamente indisponível!

PUB.
PUB.
 
 
A Frase...

"Quero ser sepultado com a farda dos Bombeiros Voluntários de Arouca"

Arlindo Soares, primeiro instrutor dos BVA, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | visitantes online