POLÍTICA
 
Candidatura à Juventude Socialista distrital começa em Arouca
 
Joana Sá Pereira apresentou-se em Arouca
Cerimónia decorreu nas instalações dos BVA e juntou quase uma centena de militantes regionais e locais. Joana Pereira apresentou a moção "Por Aveiro, um Compromisso de Esquerda"
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Joana Sá Pereira, de vinte e quatro anos e residente na Mealhada, apresentou ontem, sábado, dia 18 de Novembro, em Arouca, a sua candidatura à presidência da Federação Distrital de Aveiro da Juventude Socialista.
Numa plateia composta por perto de uma centena de jovens socialistas de todo o distrito, marcaram ainda presença a presidente da Câmara Municipal de Arouca, Margarida Belém, e o presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro.
No seu discurso, Joana Sá Pereira frisou que "Tal como no passado, a Federação Distrital de Aveiro tem que ter hoje a capacidade de estar à frente do seu tempo e de projectar novos e importantes desafios para o futuro. Deve assumir-se como uma marca de afirmação política crítica do Partido Socialista, deve fomentar e cultivar a participação política enquanto espaço de cidadania aberta a todos os cidadãos e, não menos importante, deve ter a capacidade de ser a ousadia e a diferença, contribuindo decisivamente para a construção de uma sociedade livre e democrática."
A jovem é secretária nacional da Juventude Socialista e membro do Secretariado da Federação Distrital de Aveiro da JS, liderada actualmente por Paulo Tomaz, que termina o mandato em Dezembro. É ainda presidente da Assembleia de Freguesia da Pampilhosa, tendo tomado posse no passado dia 19 de Outubro. Durante quatro anos liderou a Juventude Socialista na Mealhada, tendo-se despedido desta estrutura no passado dia 4 de Novembro. No associativismo estudantil, Joana Sá Pereira integrou a Direcção do Núcleo de Estudantes de Direito da Associação Académica de Coimbra e foi representante dos estudantes na Assembleia de Faculdade da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.
Na apresentação da sua candidatura recordou ainda o papel histórico político que o distrito de Aveiro teve no passado: "Outrora o distrito de Aveiro catapultou os movimentos democráticos para o 25 de Abril, designadamente acolhendo o III Congresso da Oposição Democrática, em Abril de 1973, que representou um ponto de viragem na política nacional, quer no que respeita à política da ditadura, quer no que respeita à estratégia da oposição, que tinha estado dividida até essa altura e nesse momento convergiram as várias correntes ideológicas, políticas e democráticas.
E é justamente esta importância que o distrito de Aveiro teve no passado, na luta por uma sociedade com igualdade de oportunidades, liberdade e justiça social, que queremos ajudar a recuperar. A esquerda veio para ficar. O socialismo democrático tem ganho força em todos os concelhos do distrito de Aveiro. Nas eleições autárquicas deste ano, o Partido Socialista reforçou o seu peso eleitoral em locais onde já era poder e conquistou à oposição mais duas Câmaras Municipais. A tendência de implantação do projeto socialista democrático é hoje uma forte realidade num distrito onde a esquerda tem sucessivamente vindo a ganhar importância."
Joana Sá Pereira, a única candidata à liderança da Federação Distrital de Aveiro da Juventude Socialista para o biénio 2017-2019, referiu ainda o papel mobilizador que a estrutura deve assumir: "Hoje, como sempre, impõe-se que continuemos na primeira linha da defesa dos direitos dos cidadãos, da conquista da sua cidadania plena e da igualdade. Os jovens socialistas do distrito de Aveiro constituem hoje parte da maior e mais decisiva organização política de juventude em Portugal que liderou importantes transformações sociais".
"A Juventude Socialista é hoje uma ca(u)sa de promoção da igualdade e de liberdade, mas também de justiça social. Terá de estar no futuro, tal como esteve no passado, à altura das responsabilidades, projetando novas e importantes conquistas. Num quadro de franca evolução social, devemos assumir o compromisso inequívoco de dizer presente às exigências dos atuais desafios. Urge derrubar o muro entre quem tem os direitos todos e quem não tem direitos nenhuns. A nossa geração precisa de ver garantidos direitos como um emprego estável e digno, a possibilidade de formar uma família ou de conseguir um alojamento a preços razoáveis. O nosso futuro não pode ficar suspenso".
A candidata à Federação Distrital de Aveiro da JS referiu quais serão os grandes desafios que atravessarão o seu mandato: "Estamos todos convocados para um enorme desafio que atravessará inevitavelmente o próximo mandato: as Eleições Legislativas de 2019. A consolidação de um Governo de Esquerda, que tem colocado Portugal na rota do crescimento devolvendo a esperança a todos e a cada um dos portugueses, envolver-nos-á para um compromisso de renovação dessa mesma confiança".
Mas igualmente importante será o momento de reflexão sobre que Europa queremos, a que todos seremos chamados a reflectir nas Eleições Europeias em 2019. Quando em 2004, Jacques Delors exclamava que era de "novo preciso gritar que a Europa tem uma escolha entre a marginalização ou a sobrevivência, o declínio ou a sobrevivência. Porque o mundo anda depressa, não imaginaria que em 2017 a mesma questão podia ser colocada. É nossa obrigação escolher a sobrevivência, defendendo uma Europa sem extremismos nem derivas populistas ou totalitárias, uma Europa justa, solidária, fraterna e coesa. O desafio que hoje se coloca à social-democracia europeia é a refundação da Europa centrada nos objectivos do pleno emprego, da promoção do Estado Social e do combate às desigualdades sociais.
Só seremos sociais-democratas, enquanto formos capazes de garantir emprego para todos, um Estado-Providência público, universal e de qualidade, diminuir as desigualdades sociais e a pobreza, defender os direitos das minorias, um desenvolvimento ambientalmente sustentável e aperfeiçoar e aprofundar a nossa democracia."
A eleição ocorrerá no XIX Congresso da Federação Distrital de Aveiro da Juventude Socialista que se realizará no dia 17 de Dezembro, no Centro de Congressos de Aveiro. 2017-11-19
 
Arouca

Terça, 17 de Julho de 2018

Actual
Temp: 23º
Vento: NNW a 0 km/h
Precip: 0 mm
Pouco Nublado
Qua
T 20º
V 3 km/h
Qui
T 21º
V 3 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Concorda com a transformação urbanística/rodoviária na entrada poente da vila de Arouca?
 
 
A Frase...

"Passou mais de um ano desde a famosa promessa do Entroncamento, mas até ao momento a via Arouca-Feira continua parada"

Rui Vilar, presidente do PSD Arouca

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 39 visitantes online