ANSELMO OLIVEIRA
 
Os geringonços, ou como as pessoas se afastam das urnas
 
OPINIÃO | Muitos tentam de forma hábil subverter o que é decidido nas urnas
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
As eleições autárquicas têm um envolvimento muito diferente de todas as outras. Como são mais candidatos, é normal que os mesmos promovam um maior envolvimento dos eleitores.
Ou melhor, costumava ser assim...
No nosso país a abstenção está a atingir níveis preocupantes. Se, por um lado, a culpa é dos eleitores que parecem não estar preocupados com o seu futuro, nem com quem gere o dinheiro dos seus impostos, por outro lado a culpa é deste sistema político que, decrépito, parece ter interesse em quantos menos a escolher melhor.
Todos os dias somos bombardeados nas notícias de casos e mais casos em que o sistema falha seja no sector social ou judicial. Num faltam as ajudas devidas, no outro parece estar criado um clima de impunidade, no qual se é forte com os fracos e fraco com os fortes. Não se compreende a morosidade de certos processos, a anulação de certas provas e muito menos permitir a fuga de quem já foi julgado.
Outro factor a contribuir para a abstenção é forma como decorrem os após as eleições, onde muitos tentam de forma hábil subverter o que é decidido nas urnas através de acordos, pressões, promessas.
Foi por isso criado um novo grupo político em cenário pós-eleitoral: os geringonços!
O geringonço vai trabalhar de forma a que o seu partido mesmo que não tenha ganho as eleições governe nos mais diferentes órgãos. Usa de todas estratégias e meios possíveis para que os seus fiquem à cabeça dos diferentes órgãos, independentemente dos resultados.
O que começou a nível central vai-se disseminando cada vez mais a nível local. Isto dá origem a que os eleitores se afastem das urnas com a desculpa de que não adianta votos por "ganha um e vai para lá outro". É verdade que para isto também contribui a falta de cultura política de grande parte do eleitorado que não sabe como funciona o sistema político.
Mas a realidade que este sistema também não tem interesse que se saiba e, se assim é, devia respeitar a vontade expressa pelos cidadãos.
 
Arouca

Domingo, 05 de Dezembro de 2021

Actual
Temp: 9º
Vento: NW a 5 km/h
Precip: 0.1 mm
Chuva
Seg
T 13º
V 3 km/h
Ter
T 13º
V 6 km/h
PUB.
PUB.
 
 
A Frase...

"Quanto melhor conhecermos o território, maior capacidade teremos para o gerir, preservar e valorizar"

Margarida Belém, durante a inauguração do Balcão Único do Prédio (BUPi)

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 68 visitantes online