TEIXEIRA COELHO
 
Acontecimentos de sinal contrário
 
OPINIÃO | Casos de pedofilia e homossexualidade entre os clérigos são dolorosos, merecedores de repulsa, mas não abalam convicções dos cristãos
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Quando se celebram os 800 anos do encontro entre Francisco de Assis e o sultão Al-Malik, o Papa Francisco deslocou-se, de 3 a 5 do mês de Fevereiro, aos Emiratos Árabes Unidos para uma visita que fica para a História. O Papa foi recebido com honras de Estado pelo príncipe herdeiro do Abu Dhabi. Do programa da visita destaca-se a divulgação oficial do DOCUMENTO SOBRE A FRATERNIDADE
HUMANA EM PROL DA PAZ MUNDIAL E DA CONVIVÊNCIA COMUM, cujo texto fora elaborado ao longo de um ano de diálogos e debates entre Al Azhar e o Vaticano.
"Em nome de Deus, Al Azhar al-Sharif - com os muçulmanos de Oriente e Ocidente; e a Igreja Católica - com os católicos de Oriente e Ocidente - declaram assumir a cultura do diálogo como caminho, a colaboração comum como conduta, o conhecimento recíproco como método e critério", proclama-se no texto. Para explicar as raízes do terrorismo, o Documento refere a "deterioração da ética que afecta a acção internacional e a debilitação dos valores espirituais e do sentido de responsabilidade, elementos que favorecem a frustração e o desespero, levando muitos a cair na voragem do extremismo ateu e agnóstico ou no fundamentalismo religioso, no extremismo e no extremismo". Al Azhar e a Igreja Católica consideram de tal importância esta Declaração que "exigem que este Documento seja objecto de investigação e reflexão em todas as escolas, universidades e institutos de educação e formação", esperando que se transforme num "símbolo do abraço entre Oriente e Ocidente, entre o Norte e o Sul".
Nos Emiratos vivem cerca de 900.000 cristãos, quase todos imigrantes. Acontecimento histórico no programa desta visita foi a celebração da Missa no estádio Zayed com a participação, dentro e fora do estádio, de 150.000 pessoas de 45 nacionalidades, incluindo 5.000 muçulmanos. Momento este de indescritível entusiasmo, de recolhimento e de profunda oração. Foi esta a primeira vez que um Papa visitou um país da Península Arábica, berço do Islão. Um passo importante para a paz e para a tolerância entre povos e religiões.
•••
CRER APESAR DE TUDO é título de um livro que reporta entrevista concedida por Joseph Moingt, um notável teólogo francês que aos 103 anos acaba de publicar mais um livro e que confessa que não será o último (!). Um teólogo que, estranhamente, ou talvez não, pouco circula entre nós. O livro tem como subtítulo: "conversas livres sobre o presente e o futuro do catolicismo".
Refiro este título a propósito do tsunami que se abateu sobre a Igreja Católica e que se avolumou, quando se deu espaço informativo a casos e/ou situações de pedofilia e/ou homossexualidade entre os clérigos.
Para cristãos de convicções alicerçadas numa fé pessoal e esclarecida, estes casos e/ou situações são seguramente dolorosos, merecedores de repulsa, mas não abalam as suas convicções. Para crentes de fé alicerçada sobre a areia, ou para anticlericais primários que andem, de dedo em riste, à procura de motivos para atacar a Igreja é a cereja sobre o bolo. Cavalgando a onda, um jornalista francês acaba de publicar um livro com informação documental, extensa e pormenorizada, sobre o tema, informação dolorosa a ter em conta, mesmo que a sua base científica tenha sido já posta em causa por jornalista do The New York Times. (vd Sete Margens, 27.02.19)
É minha convicção que estes casos, não exclusivos de clérigos, já que quase diariamente são trazidos à praça pública no seio da sociedade, sem valores sólidos, relativista, erotizada, hedonista, reclamam da parte dos responsáveis da Igreja uma abordagem pluridisciplinar. Trata-se de fenómenos que a par de tratamento jurídico, canónico e civil, reclamam também tratamento de especialistas nas ciências humanas: antropólogos, psiquiatras, psicólogos e sociólogos. Entre outros.
 
Arouca

Quarta, 23 de Outubro de 2019

Actual
Temp: 8º
Vento: NNW a 2 km/h
Precip: 0 mm
Muito Nublado
Qui
T 15º
V 3 km/h
Sex
T 17º
V 3 km/h
PUB.
PUB.
 
PUB.
 
A Frase...

"Espero que os pais dos atletas sejam exemplos de 'fair-play' dentro e fora do campo"

Pedro Cirne, presidente da UD Fermedo, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 23 visitantes online