CÁTIA CARDOSO
 
A nossa geografia
 
OPINIÃO | A economia vai-se sustentando, a demografia vive com as suas dificuldades
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Chega setembro e recomeça. Setembro funciona, para muitos, como o início de um novo ciclo. Fim de férias. Regressa o trabalho, a escola, as colheitas - e agora podia estar mas não estou a falar da maior festa do concelho de Arouca. Falo das colheitas dos produtos que, ao longo do ano, foram semeados, cultivados, e podem agora servir de alimento. Colhem-se as maçãs, as pêras, o milho, o feijão, depois, as uvas. Mas, já agora, nunca é excesso enaltecer a relevância da Feira das Colheitas na região de Arouca.
E sobre região e sobre Arouca podemos falar de geografia. Os últimos Olhares (in)Constantes debruçaram-se, afinal, na História. Se formos agora à Geografia não ficamos longe.
Contudo, talvez faça mais sentido falar agora da geografia de Arouca, e não de Geografia, a ciência em si. Arouca é Norte ou Centro? É Interior ou Litoral? As questões têm de ser feitas, ainda que não seja fácil buscar-lhes respostas.
Na página oficial do município está escrito que o concelho "situa-se no extremo NE do distrito de Aveiro e está integrado na NUT III do Entre Douro e Vouga, da região Norte de Portugal".
A mesma fonte refere também que Arouca se dista "cerca de 60 Km da sede de distrito e 50 Km da cidade do Porto", sendo que o município pertence ao distrito de Aveiro, que é Centro, porém, localiza-se mais próximo do Porto que é Norte.
Isto, conforme continua a ser explicado na página oficial "traduz a situação de fronteira/interface que Arouca detém, entre as regiões Norte e Centro de Portugal, entre os distritos de Aveiro, Viseu e Porto", bem como, e continua, "entre o litoral (industrializado, bem servido por redes de acessibilidades, com povoamento disperso e relevo relativamente pouco acidentado) e o interior (montanhoso e deprimido do ponto de vista demográfico, social, económico e infraestrutural)". Estes parênteses dizem mais do que habitualmente os parênteses costumam dizer.
A juntar a estas informações fica ainda o facto de Arouca integrar a Área Metropolitana do Porto. A isto se chama brincar com a geografia. Relativamente às redes de acessibilidades, pois elas existem mas ainda não servem bem este concelho - consequência, só pode, da geografia. Montanhas existem, e são bem bonitas! A economia vai-se sustentando, a demografia vive com as suas dificuldades.
Esta questão da Geografia Aplicada a Arouca é mais complexa do que num primeiro olhar poderia parecer. Estaremos no Litoral? Afinal, conseguimos passar um longo e descansado dia na praia, junto ao mar, e voltar a casa antes do escurecer. Estamos mais perto do Oceano Atlântico do que do país vizinho - a Espanha. Ou estaremos no Interior? A nossa rede de transportes não é assim tão boa e as acessibilidades são o que sustenta sonhos há anos (a Variante por cumprir). Além disso, até o Primeiro Ministro cá veio para "promover o Interior" e se o Chefe do Governo diz que é Interior quem é que vai contestar?
Arouca beneficia, por um lado, do seu contexto geográfico complexo, a proximidade à cidade do Porto, bem como pertencer à AMP são efetivamente vantagens e fatores de aproximação ao litoral, à industrialização, ao serviço das redes de acessibilidade. Por outro lado, as vias de comunicação ficam na corda bamba entre aquilo que se espera de um Litoral e aquilo a que se está habituado saber de um Interior. Arouca é Litoral ou Interior? Arouca vai sendo. Às vezes mais Norte, às vezes mais Centro, às vezes mais Litoral, às vezes mais Interior. Não será assim tão mau - não tão mau como ser Interior puro. E não é que o Interior seja mau, má é a valorização que lhe é atribuída, ou que não é.
Mas Arouca não é muito Interior. Nem muito Litoral. É Arouca. E pouco importa a geografia, quando todos os dias sabemos que estamos no mapa, que o país todo, e, às vezes, o mundo, sabem que estamos no mapa. É uma região que colhe hoje aquilo que tem vindo a plantar. Sortuda porque não precisa de esperar por setembro para colher, é um processo gradual, durante todo o ano, a cada ano.
 
Arouca

Quarta, 20 de Fevereiro de 2019

Actual
Temp: 3º
Vento: SE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Muito Nublado
Qui
T 16º
V 6 km/h
Sex
T 17º
V 8 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Concorda com novas plantações de eucaliptos no concelho de Arouca?
 
 
A Frase...

"O voto nas Assembleia Municipais obedece aos meus fregueses, e não ao partido"

Hélio Soares, autarca de Santa Eulália, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 30 visitantes online