CÁTIA CARDOSO
 
Senhor, falta a Variante!
 
OPINIÃO | Se o homem sonha, mais cedo ou mais tarde, a obra nasce
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Arouca foi abençoada pela mãe natureza, com as serras e os rios a enriquecerem indiscutivelmente a beleza desta região. O nome deste concelho já foi levado por todo o país e também pela Europa e pelo mundo fora. O município tem estado na linha da frente n de vezes por ‘n' motivos diferentes.
Porém, há nos arouquenses uma amargura já velha e que todos sabem qual é. É verdade que o município não esteve à espera de uma estrada para se desenvolver, para crescer - como muito bem já referiu Pedro Nuno Santos. É, até - quem sabe - verdade que as curvas tornam o passeio diferente, mais longo e com tempo para apreciar mais e que isso pode fazer quem vem de fora voltar. Tudo isso é verdade.
Aquilo que, contudo, também não deixa de ser verdade é que para quem vive em Arouca, às vezes, era bom conseguir chegar-se mais rápido a locais necessários. Tal como, para quem já não vive em Arouca, mas ainda a visita frequentemente, era bom conseguir chegar-se mais rápido ao local ainda tratado por casa.
Os arouquenses querem, os arouquenses sonham, falta a obra nascer, completa. A conclusão da variante tem de ser uma realidade! Pois é aquilo que os arouquenses mais querem, tal como verificado no inquérito online do RODA VIVA jornal. Os arouquenses querem mais a variante do que - imagine-se - a reflorestação do concelho, os arouquenses querem mais a variante do que verem os Passadiços continuarem em alta ou o Futebol Clube de Arouca voltar a subir à 1ª Liga, os arouquenses querem mais a variante do que outra coisa. Mais de 36% das pessoas que votaram no inquérito, definem como desejo maior para 2018 a conclusão da variante.
Esse desejo dos arouquenses é certamente mais do que apenas um desejo. É, para muitos, uma necessidade. É verdade que o nosso concelho é muito bonito e aprazível, mas nem sempre a vida nos permite ficar cá 365 dias por ano. Às vezes, só conseguimos mesmo voltar aos fins-de-semana.
Os amantes de poesia, podem continuar a servir-se de Fernando Pessoa e a acreditar que se o homem sonha, mais cedo ou mais tarde, a obra nasce. É que este território já conquistou tanto, já ultrapassou tantas expetativas, e já fez os arouquenses sonharem tanto com a variante, que, ainda assim, no dia em que a sua conclusão se tornar uma realidade, vai parecer mentira, vamos ter todos de fazer muitos quilómetros de variante para acreditarmos que ela existe.
O apelo de Fernando Pessoa, continua vivo em Portugal. No entanto, de tudo o que se falta cumprir, para este ano que agora se inicia, os arouquenses apenas anseiam ver cumprida a variante. É pedir muito para um só ano aquilo que já dura há tantos, mas continuamos a sonhar.
 
Arouca

Terça, 22 de Maio de 2018

Actual
Temp: 21º
Vento: SSE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Nublado
Qua
T 23º
V 2 km/h
Qui
T 21º
V 3 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
A futura ponte pedonal suspensa dos Passadiços vai ser...
 
 
A Frase...

"Ainda há muitas pessoas que não têm a noção exacta da realidade do nosso Centro Social"

Elsa Martins, dirigente do Centro Social de Escariz, Fermedo e Mato, em declarações ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 34 visitantes online