MODALIDADES
 
UD Fermedo: um dos pólos desportivos do concelho
 
Pedro Cirne falou ao RODA VIVA
Eleito em 2019, Pedro Cirne sucedeu ao histórico Álvaro Ferreira na direcção da colectividade
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Pelas razões já conhecidas, o futebol teve uma época de final inesperado. Os clubes tentam sobreviver às muitas contrariedades, continuando a alimentar os seus projectos graças a uma vontade enorme dos seus dirigentes e apoiantes. Em Fermedo, mora uma das colectividades que mais cresceu nos últimos anos, muito por força da aposta convicta na formação desportiva de crianças e jovens. Eleito em 2019, Pedro Cirne sucedeu ao histórico Álvaro Ferreira na direcção da colectividade e é o actual porta-voz do estado de espírito da UD Fermedo, pólo concelhio de dinamização desportiva que está a caminho das três décadas de vida.

«Queremos ser uma entidade formadora de sucesso»

A UDF é a colectividade do concelho com maior número de praticantes de futebol. Como é que a associação encarou e se adaptou à paragem brusca dos treinos e competições para tantas crianças, jovens e seniores?
Como todos clubes e como toda a sociedade em geral, o motivo da paragem de toda a nossa atividade no início de Março foi prejudicial. Tivemos de seguir as indicações da DGS e da AFA em conjunto com a FPF. O que na altura podemos fazer foi manter as pessoas informadas do que se estava a passar lançar desafios, através da nossa página de facebook aos nossos atletas para que mantivessem alguma atividade física e fizessem algumas atividades alusivas ao nosso clube com desenhos e vídeos.

Como está a viver a sua primeira época de presidente da UDF?
Toda a direção estava e está empenhada em implementar os processos e ideias que temos para o clube. O principal objetivo era estruturar, organizar e planear de forma a criar bases de trabalho sustentadas para a próxima época. Conseguimos realizar muitos dos projectos como por exemplo a criação do gabinete médico o qual ainda precisamos de o dotar com melhores aparelhos de tratamento, a colocação de um mini relvado sintético na parte adjacente ao campo de futebol que poderá servir de apoio a treinos, a criação de um espaço de trabalho, administrativo e de loja de vendas de produtos alusivos à UDF, Internet e alguns melhoramentos na zona de bar. Estivemos também e continuamos na criação de condições para que o clube possa ser no fim da época 2020/2021 ser uma entidade formadora certificada pela FPF.

Concordou com as decisões da AFA para o futebol sénior?
A AFA sempre teve uma postura correcta com os clubes, no meu ponto de vista, e manteve sempre os mesmos informados dos passos a dar. Além disso promoveu reuniões para que os clubes pudessem dar as suas opiniões. Quem decide tem sempre o problema de que nunca agrada a todos, no entanto não temos nada de momento a apontar a esta direção da AFA acerca da gestão deste momento de pandemia. Ao nível da decisão sobre a 2.ª divisão distrital estamos de acordo que se faça um campeonato com não mais do que 14 clubes.

Como está a perspectivar a nova temporada? Ainda de forma cuidada com receio de novos condicionamentos ou há que colocar já toda a "máquina" em acção para que tudo esteja pronto.
Apesar de pessoalmente achar que muitos clubes começaram muito prematuramente a anunciar renovações e contratações para 2020/2021 neste momento a UDF tem já quase todas as equipas técnicas acertadas para a época que aí vem. Temos também alguns jogadores confirmados de palavra, pois até ao dia 1 de Julho não poderemos fazer a respectiva inscrição. Independentemente do que possa acontecer no futuro, devemos estar sempre preparados como normalmente fazemos para que quando chegarmos à primeira segunda-feira de Setembro tudo esteja já preparado para o reinício da nossa atividade. Queremos continuar a ser o clube com mais praticantes de futebol no concelho de Arouca e quem sabe, uma vez mais elevar o número de inscritos em relação à época passada.

Há novidades desportivas ou outras aspirações que gostaria de concretizar na próxima época ou no novo mandato para a UDF?
Estávamos a ter uma boa época desportiva nos Infantis B e Iniciados, e são estas equipas que serão Infantis A e Iniciados (2º ano) que desportivamente nos dão à partida mais garantias de sucesso desportivo. No entanto ressalvo que o sucesso de resultados desportivos não é o nos move. Queremos muito concretizar o processo de entidade formadora com sucesso, ver algumas obras de melhoramento no Parque Desportivo de Fermedo finalmente concretizadas e conseguir atingir os 200 atletas inscritos. Na vertente sénior estamos já a construir uma equipa jovem, onde queremos muito que os jogadores da nossa formação possam ser mais-valias de forma a valorizarem o trabalho que tem sido feito ao longo da última década. E que esse trabalho tenha como resultado a continuação de bom futebol mas ainda com mais vitórias. MS/RV 2020-07-01

 
Arouca

Quinta, 13 de Agosto de 2020

Actual
Temp: 17º
Vento: NW a 3 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Sex
T 23º
V 3 km/h
Sáb
T 21º
V 5 km/h
PUB.
PUB.
 
PUB.
 
A Frase...

"Ser padre é dar a vida, renunciar muitas vezes às minhas vontades, ouvir os sofrimentos das pessoas e sofrer com elas"

Misael Fermín Calderon, o novo vigário paroquial de Arouca

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 16 visitantes online