FUTEBOL
 
“O Braga e o Porto foram displicentes”
 
Artur Neves com Fernando Gomes, presidente da FPF, em Arouca
Autarca arouquense comentou descida de divisão do FCA e perspectivou futuro imediato do clube | NOTÍCIA COM MAIS DE 1000 VISUALIZAÇÕES
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Na ressaca da imprevista descida confirmada após a derrota (4-2) na casa do Estoril, o presidente da câmara municipal de Arouca, Artur Neves, não escondeu a sua pele de adepto arouquense.
À margem da cerimónia protocolar celebrada com a FPF e a AFA na última sexta-feira, o autarca considerou que o SC Braga e o FC Porto foram "displicentes" na última jornada diante dos adversários directos do FC Arouca: Tondela e Moreirense.
"Foi uma coincidência muito dolorosa a derrota dos adversários dos nossos opositores, que não estiveram à altura da sua história e dos seus pergaminhos. Sem retirar o valor ao Moreirense e ao Tondela, mas acho sinceramente que o Braga e o Porto foram displicentes", disse o presidente do município arouquense.
Ainda que estas palavras sejam fortes, Artur Neves, não chega ao ponto de achar que os dois jogos devam ser tema de investigação: "Não, nada disso. O que digo é somente um desabafo e não considero de forma alguma que tenha existido má-fé de qualquer uma das equipas".
Sim, até porque o autarca, antes de mais, e em consonância com o discurso do treinador e do capitão da equipa da Serra da Freita após o jogo com o Estoril, tece uma auto-crítica: "Em primeiro lugar, o Arouca só se pode queixar de si próprio porque, em abono da verdade, o último terço do campeonato foi absolutamente desastroso".
Comentada a "traumática" despromoção à Segunda Liga, a conversa desenrolou-se para temas do futuro do clube, e o mais fresco e próximo é o fim do mandato do presidente do Arouca neste mês de Junho. Após ter dito que já falou com Carlos Pinho após o fim do campeonato, Artur Neves discorreu sobre a continuidade ou fim da liderança do homem-forte do Arouca. "Não acho que seja o momento para sair. Não ponho sequer esse cenário", afirmou, peremptoriamente.
Quanto às relações institucionais da câmara com o clube, o autarca não vê porque hão de piorar no rescaldo do triste desfecho da época 2016/17: "Pelo contrário, haverá garantidamente maior cooperação para que o Arouca recupere deste choque e volte ao topo do futebol português". Rúben Tavares 2017-05-31
 
Arouca

Segunda, 18 de Dezembro de 2017

Actual
Temp: 10º
Vento: NNE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Ter
T 15º
V 2 km/h
Qua
T 13º
V 2 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Nas compras natalícias deste ano, pensa gastar...
 
 
A Frase...

"Temos levado o nome da nossa instituição cada vez mais longe"

Jorge Aido, presiente da Banda Musical de Figueiredo, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 36 visitantes online