SOCIEDADE
 
Buscas: Neves, Ferreira e 'Brain One' constituídos arguidos
 
Informação é avançada pelo Jornal i nas edições 'online' e impressa de hoje
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
No âmbito das buscas ontem efectuadas por todo o país, para juntar provas ao inquérito que decorre para apurar responsabilidades no âmbito das suspeitas de crimes na adjudicação de serviços do programa da Protecção Civil 'Aldeia Segura', o Ministério Público constituiu como arguidos os arouquenses Artur Neves (agora ex-secretário de Estado da pasta, após pedido de demissão ontem), Francisco Ferreira (ex-adjunto do governante e presidente do PS Arouca) e a empresa 'Brain One'.
A informação é avançada hoje pelas edições online e impressa do Jornal i, que refere: «Neste inquérito estão em causa fraudes na obtenção de subsídio, de participação económica em negócio e de corrupção. E as autoridades já constituíram como arguido o antigo adjunto do secretário de Estado da Protecção Civil, Francisco Ferreira - que se demitiu em Julho -, Artur Neves, secretário de Estado da Protecção Civil, que ontem apresentou a sua demissão, e as empresas Foxtrot Aventura e Brain One». 2019-09-19 RV

(em actualização)

 
Arouca

Sábado, 06 de Junho de 2020

Actual
Temp: 12º
Vento: WNW a 0 km/h
Precip: 0 mm
Nevoeiro
Dom
T 18º
V 5 km/h
Seg
T 19º
V 3 km/h
PUB.
PUB.
 
 
A Frase...

"Ninguém, no governo actual, está a fazer um favor a Arouca mas sim a fazer-se justiça a um concelho, a um povo"

Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas, durante a consignação da estrada Escariz / A32

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 15 visitantes online