POLÍTICA LOCAL
 
Passe Único Metropolitano: PCP Arouca quer rapidez na concretização
 
PCP defende «aumento das carreiras disponibilizadas e com ligações directas ao Porto»
Em comunicado, a estrutura política comunista saúda a medida do Conselho Metropolitano «que defendemos há dois anos»
 
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
COMUNICADO | PCP AROUCA | Sobre o Passe Único e a aplicação do Plano de Redução Tarifária
nos transportes públicos da Área Metropolitana do Porto


O Conselho Metropolitano do Porto, na sequência da reunião de 22 de Fevereiro, tornou público que, relativamente ao Passe Metropolitano e redução tarifária:
- soluções de zonamento e tarifário que permitirão, para deslocações dentro do mesmo concelho, ou até 3 zonas, um passe com custo de 30 euros e a criação de um passe para toda a Área Metropolitana, por 40 euros.
- este modelo será generalizado à rede Andante em 1 de Abril e o seu alargamento aos restantes operadores a partir de 1 de Maio, mas sem qualquer data para a sua implementação por todos os operadores.
- a criação de um Passe sub-12, gratuito para crianças até aos 12 anos, que entrará em vigor a partir de Setembro.
Sobre esta matéria, a Comissão Concelhia de Arouca do PCP:
I - Lembra a comprovada importância da proposta do PCP que, ao longo de quase dois anos, esteve sozinho a defender a criação do passe único. Em 27/10/2016, apenas o PCP e o PEV votaram favoravelmente a proposta de alargamento do Andante a todos os operadores de toda a Área Metropolitana. Valorizamos a evolução e aproximação das restantes forças políticas à proposta do PCP.
II - Destaca que os Arouquenses (com muitas horas de trânsito automóvel no currículo), nas suas deslocações, em trabalho ou lazer, para os concelhos da AMP (Vale de Cambra, Oliveira de Azeméis, S. João da Madeira, Santa Maria da Feira, Espinho, Vila Nova de Gaia e Porto) têm necessidade de transportes públicos com horários e frequências que sejam adequadas às necessidades da população e devida redução dos preços.
III - Realça que as medidas agora divulgadas só terão impacto, nesta fase, em Arouca e para os Arouquenses quando implementadas com os actuais operadores (Transdev e Feirense), devendo a autarquia actuar de forma firme no sentido da sua rápida concretização.
IV - O problema dos transportes públicos em Arouca só será, de facto, resolvido e estimulada a sua utilização, com um aumento das carreiras disponibilizadas, a existência de ligações directas, nomeadamente ao Porto, horários adequados e devido abaixamento dos preços. Arouca, 12 de Março de 2019, A Comissão Concelhia de Arouca do PCP

 
Arouca

Terça, 21 de Maio de 2019

Actual
Temp: 17º
Vento: NNW a 5 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Qua
T 21º
V 2 km/h
Qui
T 18º
V 5 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Concorda com os novos preços dos bilhetes dos Passadiços?
 
 
A Frase...

"Sobre os baldios, estamos a cumprir a vontade do povo, que decidiu delegar competências de gestão na Junta"

José Costa, presidente da JF Moldes, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 29 visitantes online