SOCIEDADE
 
Jornadas de Ciências Sociais cumpriram primeiro dia
 
Filósofo Luis Moita
Aberta à comunidade, a iniciativa visa a partilha de experiências e do conhecimento, envolvendo investigadores de craveira nacional e internacional
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Da Filosofia à sustentabilidade e ordenamento do território, foram muitas as temáticas que preencheram o primeiro dia das III Jornadas de Ciência de Arouca, promovidas pelo Agrupamento de Escolas de Arouca, o Círculo Cultura e Democracia e a Câmara Municipal de Arouca. A edição deste ano - "Desenvolvimento, Território e Sustentabilidade: a Cultura como Suporte", é dedicada às Ciências Sociais. Na sessão de abertura, Adília Cruz, directora do AEA, Manuel Brandão Alves, presidente da ACCD, José Rosa, director do CFAE-AVCOA e Margarida Belém, presidente da CMA, contextualizaram a relevância da iniciativa que desde a sua criação adquiriu uma projecção nacional e internacional, afirmando-se já como "uma marca da identidade da escola e de Arouca". Abertas à comunidade, as Jornadas de Ciência visam a partilha de experiências e do conhecimento, envolvendo investigadores de craveira nacional e internacional, professores, alunos e ex-alunos da escola numa reflexão conjunta potenciadora de novas abordagens e de pistas inovadoras no desenvolvimento das comunidades, particularmente as do território arouquense.

A Filosofia como suporte
Reflexão primordial para uma acção-intervenção humana mais esclarecida e justa, a Filosofia inaugurou e preencheu toda a manhã da jornada inaugural. Moderado por Rosa Sousa, docente do AEA, o primeiro painel teve o contributo do filósofo e investigador em relações internacionais, Luís Moita, professor catedrático da Universidade Autónoma de Lisboa. Os fundamentos éticos do desenvolvimento, a construção da paz, as desigualdades económicas e sociais, os princípios de uma sociedade justa e a natureza dos valores democráticos concentraram a intervenção do filósofo. "É preciso humanizar o desenvolvimento, não o reduzindo a meras fórmulas de engenharia social", alertou o pensador.

Filosofando na Escola
Ex-aluno do AE Arouca, Luís Martins, vencedor do prémio nacional 2016 da Associação Portuguesa de Ética e Filosofia Prática, dissertou sobre o contributo da Filosofia nas questões relativas à tolerância, ao diálogo e à paz mundiais. A espontaneidade do filosofar e as primeiras construções do significado do mundo foram trazidas ao vasto auditório através da professora de Filosofia do AEA, Rosa Sousa, momento alto num diálogo com crianças do primeiro ano de escolaridade, com as quais o AEA desenvolve o seu projecto educativo de "Filosofia para Crianças".

Os exemplos de Arouca
Os trabalhos da tarde, já na Loja Interactiva de Turismo, desenrolaram-se em sucessivos painéis em que os conceitos de território, desenvolvimento, sustentabilidade e iniciativa criadora articularam as diversas intervenções, moderadas por Manuel Alves, presidente da ACCD e professor catedrático da Universidade de Lisboa, e Marcelo Pinho, ex-vereador do Ambiente da CMA. O que a este respeito se passa em Arouca, foi trazido por António Carlos Duarte, coordenador executivo da Associação Geoparque Arouca, Carlos Brandão, presidente da AECA, e João Carlos Pinho, coordenador da ADRIMAG. O dinamismo e a sustentabilidade do território induzidos pelo projecto arouquense aprovado pela UNESCO, os apoios e as iniciativas empreendidas pela ADRIMAG, as virtudes e as dificuldades do tecido empresarial ("o maior obstáculo ao desenvolvimento é a falta de mão de obra", referiu o representante dos empresários de Arouca e Vale de Cambra) estiveram em grande plano. "É pena que outros concelhos do interior não sigam o exemplo de Arouca", afirmou João Carlos Pinho, adepto do "pensar local, planear local e agir local" como princípio do encontro das melhores soluções para os territórios, lamentando o "caos da divisão administrativa que apenas serve a burocracia".
Sérgio Caetano, presidente da direcção da Associação SOS Rio Paiva, e Adélia Almeida, chefe da divisão de Planeamento e Obras da CMA completaram o ponto da situação no concelho de Arouca, o primeiro na vertente da defesa ambiental e da biodiversidade, a técnica da autarquia na explicitação das mudanças nos PDM's e dos novos desafios no âmbito do planeamento do território.

Desenvolvimento e sustentabilidade
Duas conferências enquadraram ainda a tarde dedicada ao conhecimento. Numa comunicação didacticamente simples, Augusto Mateus, presidente da CESO, professor catedrático da Universidade de Lisboa e ex-ministro da Economia tratou assuntos complexos como a inovação e a competitividade, as estratégias empresariais e territoriais. "Pelo que ouvi aqui, Arouca não está parada, está a lutar pelo seu desenvolvimento", adiantou o economista, que salientou, entre outros factores de desenvolvimento e sustentabilidade de um território, a necessidade de definir um "fio condutor", a "abertura a outros territórios" e a questão, central, do "valor que os outros atribuem ao que estamos a fazer". "Temos de pensar a economia da procura para a oferta e não da oferta para a procura", explicou o antigo ministro. De Teresa Barata Salgueiro, professora catedrática de Geografia da Universidade de Lisboa, veio o contributo para compreensão dos novos desafios ao ordenamento do território a partir do questionamento da tradicional dicotomia cidade-campo, rural-urbano numa época de fortes mobilidades.
Um momento cultural proporcionado pelos alunos do ensino especializado da dança e um jantar-convívio encerraram o primeiro dia de trabalhos, que prosseguem hoje, sábado, na Loja Interactiva de Turismo. 2017-12-16 Manuel Matos Sousa
 
Arouca

Domingo, 22 de Abril de 2018

Actual
Temp: 15º
Vento: NE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Pouco Nublado
Seg
T 23º
V 2 km/h
Ter
T 24º
V 2 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
O FCA vai subir à Primeira Liga?
 
 
A Frase...

"O Arouca São Paulo Clube é um exemplo da fibra, da tenacidade e da determinação do povo arouquense"

Margarida Belém, no 39° aniversário daquela instituição

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 31 visitantes online