POLÍTICA LOCAL
 
Francisco Gonçalves repete candidatura à Câmara pela CDU
 
Francisco Gonçalves, Deolinda Brandão e António Óscar
AUTÁRQUICAS 2017 | O mesmo acontece na Assembleia Municipal com António Óscar Brandão | NOTÍCIA COM MAIS DE 1000 VISUALIZAÇÕES
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
No final de tarde de intenso calor, debaixo das árvores do Parque Municipal, a Coligação Democrática Unitária (CDU) apresentou hoje os dois cabeças-de-lista à Câmara e Assembleia Municipal.
Francisco Gonçalves, 46 anos, natural de Barcelos, professor do Agrupamento de Escolas de Arouca desde 1997 e presidente do Conselho Geral daquela instituição de ensino, é membro do Sindicato dos Professores do Norte, fazendo parte ainda da União dos Sindicatos de Aveiro. Candidata-se à autarquia.
António Óscar Brandão, 55 anos, natural da freguesia de Rossas, docente de História do mesmo Agrupamento, está ligado há vários anos ao movimento associativo nas questões ambientais e de preservação da natureza. Avança para a Assembleia Municipal.
Na cerimónia foi ainda apresentada a mandatária da coligação de esquerda às eleições autárquicas, Deolinda Brandão, 61 anos, aposentada do Ministério dos Negócios Estrangeiros, tendo exercido funções no Banco de Desenvolvimento Social do Conselho da Europa.
Tadeu Andrade, membro do Partido Comunista, fez as apresentações dos três elementos.
"Frequentei a Escola Primária em Rossas e esses sítios deixam-nos uma marca para sempre. Arouca de hoje é muito diferente da terra de há cinquenta anos. Mas mantém muito da identidade que importa preservar", sublinhou a mandatária.
"Depois de uma longa actividade profissional diplomática em França, regresso a Arouca e aqui pretendo dar um contributo cívico pela vida da comunidade e esta é uma forma de o fazer", referiu Deolinda Brandão. Elencou depois as áreas onde pretende intervir e que as liga à CDU - ordenamento florestal, os recursos hídricos e a agricultura local.
"Sou independente, mas identifico-me com os valores da CDU e com os valores do PCP, que são os valores do 25 de Abril que hoje em dia estão cada vez mais postos em causa, apesar dos passos dados em frentes por esta solução governativa", começou por afirmar António Óscar.
"A igualdade, a liberdade, uma mais justa repartição da riqueza e a defesa do Estado Social são as principais razões porque aceitei ser de novo, e com muito orgulho, candidato da CDU à Assembleia Municipal nas próximas eleições autárquicas", asseverou.
Salientou ainda o "profundo conhecimento de Arouca e dos arouquenses" que serão mais-valias para o exercício do cargo de deputado municipal, caso venha a ser eleito.
O último orador foi Francisco Gonçalves, que aproveitou para lembrar que "a CDU é poder autárquico em municípios de grande dimensão e outros de pequena, já não falando do grande número de Juntas de Freguesia de norte a sul do país lideradas pela coligação". "O projecto da CDU é um projecto nacional com expressão local", enalteceu.
"O poder local é o sistema de democracia mais participativa e a CDU procura em todos os concelhos aprofundá-la e é isso que pretendemos também fazer em Arouca", afirmou Francisco Gonçalves.
"No dia 1 de Outubro os arouquenses vão eleger cerca de duzentos autarcas e não apenas saber quem irá ser o presidente da Câmara, se o Fernando Mendes ou a Margarida Belém", advertiu.
Francisco Gonçalves recordou ainda a presença de elementos da CDU ao longo da presente legislatura nas sessões da Assembleia Municipal, que colocaram diversas questões ao executivo, "contrariamente a alguns eleitos que passaram os quatro anos sem abrir a boca".
Para aquele político, um bom resultado na eleições seria aumentar o número de votos para autarquia e eleger um deputado municipal, "que nos escapou nas eleições de 2013 por pouco mais de oitenta votos".
A CDU vai ainda apresentar candidatos nas freguesias onde concorreu no último acto eleitoral: Alvarenga, Arouca/Burgo, Fermedo, Rossas e Santa Eulália - e poderá ainda estar presente noutras.
No final da apresentação, seguiu-se um interessante e vivo debate entre os candidatos e a comunicação social presente. JCS 2017-06-17
 
Arouca

Segunda, 18 de Dezembro de 2017

Actual
Temp: 10º
Vento: NNE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Ter
T 15º
V 2 km/h
Qua
T 13º
V 2 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Nas compras natalícias deste ano, pensa gastar...
 
 
A Frase...

"Temos levado o nome da nossa instituição cada vez mais longe"

Jorge Aido, presiente da Banda Musical de Figueiredo, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 39 visitantes online