SOCIEDADE
 
Foi grande a Jornada Salesiana em Arouca
 
Descerramento de placa alusiva no busto de D. Bosco
Polo escolar e formativo que durante duas dezenas de anos agregou gerações de crianças arouquenses e dos mais diversos pontos do país
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Os Salesianos chegaram a Arouca em 1960. Após mais de 20 anos de intensa actividade e influência na vida social, no ensino, na cultura e na religião, o Colégio Salesiano de Arouca, que funcionava no Mosteiro, fechou as portas. Envolta em grande tristeza, Arouca despediu-se dos Salesianos em Setembro de 1982. Pais e avós terão ainda presente essa Arouca contemporânea da presença viva dos Salesianos e do seu Colégio em Arouca, polo escolar e formativo que durante duas dezenas de anos agregou gerações de crianças arouquenses e dos mais diversos pontos do país. 
Passados 40 anos, o legado e os valores salesianos incutidos por D. Bosco continuam vivos e fortes em Arouca. Dedicado aos jovens – tal como D. Bosco os cuidava de forma a garantir a sua melhor formação como seres humanos – o Centro Juvenil Salesiano de Arouca é hoje, em Arouca, o herdeiro directo do antigo Oratório e dessa missão social e espiritual disseminada no país pelos Salesianos. Os Cooperadores Salesianos de Arouca e todas as iniciativas no âmbito do Movimento Juvenil Salesiano completam uma dinâmica que foi engrossando raízes e tornam Arouca a mais intensas das comunidades onde ainda se vivencia do espírito salesiano.

Livro “Geração Salesiana em Arouca”: uma obra única e grandiosa

Toda a história da presença dos Salesianos em Arouca está patente na obra inédita, única e grandiosa escrita pelo professor salesiano e ex-professor da EB 2,3 de Arouca, José Maria Cerca. O livro, “Geração Salesiana em Arouca”, narrada em 425 páginas, foi apresentado pelo seu amigo Hermínio Machado, um dos primeiros alunos a ingressar no Colégio Salesiano em Arouca. A apresentação da nova obra decorreu na Loja Interativa de Turismo, no dia 10 de Setembro, no âmbito da Comemoração dos 40 anos da saída dos Salesianos de Arouca, celebração que foi também de Encontro de Antigos Alunos Salesianos vindos de vários pontos do país, um evento que foi acompanhado pela presidente da Câmara Municipal de Arouca, Margarida Belém, Guilhermino Pires, em representação Federação Nacional de Antigos Alunos de D. Bosco e da Gráfica Caldense, o Padre Joaquim Taveira, Delegado Nacional da Família Salesiana, entre outros presentes, como o Padre Gonçalves e o Padre Ramiro, este com 91 anos. «Este livro representa uma perfeita simbiose entre a comunidade arouquense e os salesianos. Os Salesianos devem muito a Arouca e Arouca deve muito aos Salesianos», salientou Hermínio Machado, na apresentação pública que terminou com um instante musical a cargo do duo “Acoustic Soul”.

Memórias e reconhecimento da Obra Salesiana

Na Sala do Capítulo do Mosteiro foram ainda lembrados os tempos vividos no Colégio e evocada a relevância da Obra Salesiana e do seu Colégio em Arouca, momento que teve os depoimentos de um dos seus professores externos, Dario Tomé, e também de um antigo aluno, Adriano Manuel Sousa, sessão a que se seguiu um concerto de órgão pelo organista Paulo Bernardino. O primeiro dia de comemorações terminou com a celebração da Eucaristia na Igreja do Mosteiro de Arouca, concelebrada por quatro sacerdotes salesianos, entre os quais o Provincial, Padre Aníbal Mendonça.
Outro dos momentos altos dedicados à recordação da Obra Salesiana e à memória de todos os Salesianos que palmilharam Arouca decorreu no Parque Municipal, junto ao busto de D. Bosco, escultura em metal criada pela empresa SOMEFE de Évora, representada pelo engenheiro e salesiano José Manuel Noites. Junto ao Busto, inaugurado em 2007 pelo Bispo D. Ximenes Belo, foi depositada uma coroa de flores e descerrada uma placa comemorativa das celebrações, momento especial que teve a participação de um grupo de jovens do Centro Juvenil Salesiano e o acompanhamento da Banda Musical de Arouca. O dia seguinte, domingo, foi dedicado ao cumprimento de um programa turístico, cultural e de lazer que incluiu a visita a diversos pontos do Arouca Geopark. Uma jornada intensa de humanismo, cultura e identidade salesiana inesquecível para todos os participantes. 2022-09-16 MM/RV
 
Arouca

Sábado, 24 de Setembro de 2022

Serviço temporariamente indisponível!

PUB.
PUB.
 
 
A Frase...

"A maior casa monástica era a de Arouca, para onde se deslocavam inúmeras jovens da alta linhagem do reino"

Helena Cruz Coelho, na apresentação do Diplomatário do Mosteiro de Arouca

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 80 visitantes online