SEGUNDA LIGA
 
FC Arouca 1-1 Sp. Covilhã
 
Deyvison e Ericson
Empate caseiro faz a equipa escorregar para zona perigosa da classificação. Fábio Fortes marcou em tempo de descontos
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
29.ª jornada - 14 Abril 2019
Jogo no Estádio Municipal de Arouca - Espectadores: 803
Árbitro - Manuel Mota, auxiliado por Jorge Fernandes e Valdemar Maia (AF Braga).

FC Arouca
- Stefanovic; Benny, Pedro Pinto, Deyvison; Adílio, Ericson, Bruno Alves (Breitner, 72'), Bukia, Toni Correia (Arteaga, 64'); Willian (Malele, 57') e Fábio Fortes.
Suplentes não utilizados: Rui Vieira, Thales, Soares e Lumu.
Treinador: Quim Machado

SC Covilhã - São Bento; Tiago Moreira, Zarabi, Jaime, Henrique Gomes; Rodrigues, Gilberto, Adriano (Semedo, 76'), Diego Medeiros (Bonani, 67'); Mica e Kukula (Deivison, 61').
Suplentes não utilizados: Igor, João Cunha, Jean Batista e Zé Pedro.
Treinador: Filipe Rocha ‘Filó'

Ao intervalo: 0-0
Marcador: 0-1 (Mica, 88'); 1-1 (Fábio Fortes, 90').

Fortes, abono do ataque, evitou mal maior

Dois golos na parte final do encontro deram algum relevo a um jogo em que as balizas tiveram tarde quase descansada, tal foi a escassez de situações de perigo. Perto da zona perigosa, o FC Arouca mais uma vez não conseguiu dar o salto, não indo além da conquista de um dos três pontos em jogo. Um jogo de "equipas encaixadas", muita circulação de bola de parte a parte mas sem agressividade atacante. A condução de jogo ia até vinte metros das balizas mas aí quase tudo parava no território das defesas. Catorze remates (7+7), trinta e seis faltas (21+15) e nove cartões amarelos (6+3) dizem muito do pouco que rendeu a partida. Na primeira parte, apenas registo para dois lances vistosos. Aos 22', um centro de Bukia para a emenda de Fortes, mas o golo foi evitado pelo corte defensivo. Aos 39', Diego Medeiros serve de bandeja Adriano mas este desperdiça sobre a barra. O que viria na segunda parte era uma incógnita. Certas começaram as alterações vindas do banco, no sentido de dar outro andamento ao jogo. Foi a fase de maior domínio territorial do FC Arouca e que obrigou o Covilhã a resguardar-se mais no seu meio-campo e a jogar no contra-ataque, estratégia que, aos 58', colocou Adriano frente a uma boa defesa de Stefanovic. O FC Arouca voltou à carga, mas faltava muito maior intensidade para quebrar o reduto fechadinho dos leões da Estrela. Até que, sem mais esperança, o jogo animou em dois instantes. O desaire absoluto dos arouquenses esteve à vista quando Mica escapou à defesa e rematou seco para a baliza aos 88'. A vitória forasteira parecia estar na mão mas o "milagre" ocorreu ao minuto 90, quando o caboverdiano Fábio Fortes (abono do ataque nos últimos jogos) em vez de segurar a bola se decidiu por um remate cruzado e rasteiro para o empate que amenizou a tristeza em Arouca. 2019-04-14 Manuel Matos Sousa


29ª jornada
Braga B 0-1 Cova da Piedade
UD Oliveirense 1-2 Benfica B
Famalicão 2-0 Académica
FC Porto B 1-1 Paços Ferreira
Acad. Viseu 5-2 V. Guimarães B
Farense 3-1 Estoril
FC Arouca 1-1 SC Covilhã
Leixões 1-0 Mafra
Penafiel 2-0 Varzim

PRÓXIMOS JOGOS FCA
30.ª jornada (sábado 20/04)
V. Guimarães B - FCA (18h00)
31.ª jornada (28/04)
FCA - Paços de Ferreira
32.ª jornada (05/05)
Farense - FCA
33.ª jornada (12/05)
FCA - Estoril
34.ª e última jornada (19/05)
UD Oliveirense - FCA


 
Arouca

Segunda, 23 de Setembro de 2019

Actual
Temp: 15º
Vento: SE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Muito Nublado
Ter
T 19º
V 5 km/h
Qua
T 17º
V 5 km/h
PUB.
PUB.
 
 
A Frase...

"Há hoje, de forma directa, uma melhor resposta à doença"

António Alves, director executivo do ACES Feira/Arouca, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 31 visitantes online