SEGUNDA LIGA
 
FC Arouca 3-3 Farense
 
Malele eficaz no terceiro golo
Resultado incerto até ao apito final. Fortes e Malele (2) marcaram pelo FCA, que continua em lugares fundos da classificação
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
15ª jornada - 6 Janeiro 2019
Jogo no Estádio Municipal de Arouca - Espectadores: 856
Árbitro - Gustavo Correia (AF Porto), auxiliado por Rui Eiras e Ângelo Carneiro.

FC Arouca - Stefanovic; Thales (Arteaga, 72'), Pedro Pinto, Benny e Kiko; Soares (Didi, 45'), Bruno Alves, Bertaccini (Bukia, 45') e Adílio; Fábio Fortes e Malele.
Suplentes não utilizados: Rui Vieira, Sanchez. Massaia e Toni Correia.
Treinador: Quim Machado

SC Farense - Daniel Fernandes; Godinho, Bruno Bernardo, Cássio Scheid e Jorge Ribeiro; Markovic, Fabrício, Ryan Gauld (Delmiro, 70') e Fábio Nunes (Tavinho, 57'); Mayambela (André Vieira, 83') e Irobiso.
Suplentes não utilizados: Hugo Marques, Kadri, Simões e Alvarinho.
Treinador: Rui Pedro Duarte

Ao intervalo: 0-1
Marcador: 0-1 (Mayambela, 18'); 1-1 (Fortes, 54'); 1-2 Jorge Ribeiro, g.p. 62'); 1-3 (Tavinho, 71'); 2-3 (Malele, 80'); 3-3 (Malele, 90').

Grande recuperação foi mal menor em tarde de brindes

Em dia de Festa de Reis, ainda não foi desta que o FC Arouca registou a segunda vitória em casa. Quim Machado voltou a mexer no onze, indo a maior novidade para a estreia de Pedro Pinto no eixo da defesa. Apontava-se à vitória mas a partida ia virando pesadelo para as cores arouquenses. Uma primeira parte sem assunto, dois brindes oferecidos aos algarvios e um "meio penálti" contra a equipa da casa levaram o jogo para um desnível com que nem a formação de Faro contaria. Uma perda de bola de Soares aos 18' precipitou os acontecimentos. Fabrício pegou no jogo e desmarcou Mayambela para o golo. A dezena de adeptos que vieram do Algarve festejava na bancada enquanto a equipa arouquense se ia afundando no nervosismo e na "paralisia" de jogo decorrente de um golo contraciclo. Inércia colectiva que só o intervalo foi capaz de reverter em energia e crença para cair sobre o adversário. O efeito não tardou, com Fábio Fortes (54') a cabecear bem para o empate, após centro de Thales. Estava bem melhor o Arouca, mas Faro voltou a sorrir na marcação de penálti obtido de forma pouco clara. Com meia hora para resolver o assunto, o Arouca voltou à carga. Didi, Alves e Adílio carregavam mais jogo para Fortes e Malele e o Farense já só ia defendendo. Mas o Arouca parecia em dia "masoquista" e um atraso de bola de Benny que Stefanovic não conseguiu resolver pôs na bagagem dos algarvios um excelente brinde nortenho. Tudo supercomplicado num 1-3 de que seria difícil sair. Aconteceu então um click especial que atirou a equipa arouquense para uma luta tremenda de conquista em campo. Arteaga entrou bem, dinâmico e a ameaçar, disparando até um tiro à barra (77'). A equipa farense mantinha a vantagem mas não conseguia gerir a posse de bola. Com as bancadas arouquenses a ajudarem à retoma, Malele vibrou e fez vibrar com dois golos que anularam uma derrota iminente. Aos 80', num bom golpe de cabeça ao centro de Kiko. Aos 90', ao aproveitar com eficácia uma atrapalhação no reduto defensivo dos visitantes. Vinte minutos de boa cavalgada da equipa arouquense frente a um Farense encostado às cordas na parte final, parte aliviada pelos três escassos minutos de compensação acrescentados pelo árbitro do encontro. 2019-01-06 Manuel Matos Sousa


SALA DE IMPRENSA >>>

Quim Machado (treinador do FC Arouca): "Este ponto não nos satisfaz. Não podemos oferecer três golos ao adversário. Demos três brindes ao Farense. Com o primeiro golo perdemos o controlo do jogo e a confiança. Defendo sempre os jogadores mas estou zangado com o que fizeram na primeira parte. Na segunda parte, e com as alterações, o Arouca foi diferente, teve atitude mas voltou a sofrer golos. Na parte final os jogadores tiveram o mérito de demonstrar o que é a responsabilidade e a raça do verdadeiro Arouca."

Rui Pedro Duarte (treinador do Farense): "Não foi um jogo bem conseguido da nossa parte. Entramos bem, fizemos um golo, na primeira parte fomos melhores. Na segunda parte o Arouca foi muito superior ao Farense, mas mesmo assim aproveitamos os erros do Arouca e chegamos à vantagem de 3-1. Marcamos três golos e não tivemos capacidade de posse de bola para conseguirmos levar a vitória."

II LIGA
15.ª jornada (5 e 6/01)
Acad. Viseu 1-2 Estoril (ant. 18/11)
Académica 3-0 Cova da Piedade
FC Porto B 2-2 Benfica B
Braga B 2-3 V. Guimarães B
Famalicão 0-0 Varzim
FC Arouca 3-3 Farense
Mafra 1-1 Paços de Ferreira
Leixões 1-0 Covilhã
UD Oliveirense 2-1 Penafiel

16.ª jornada (4ª feira - 09/01)
Covilhã 0-1 Académica (ant. 18/11)
Farense 1-0 Mafra (ant. 18/11)
UD Oliveirense 1-2 Famalicão (ant. 18/11)
SC Braga B - FC Porto B (15h00)
Penafiel - Acad. Viseu (15h00)
Paços de Ferreira - Leixões (15h00)
V. Guimarães B - Benfica B (17h00)
Estoril - FC Arouca (17h00)
Varzim - Cova da Piedade (17h00)
[jornada sem transmissões televisivas]

PRÓXIMOS JOGOS FCA
16ª jornada (4ª feira 09/01)
Estoril - FC Arouca (17h00, sem tv)
17.ª jornada (domingo 13/01)
FC Arouca - UD Oliveirense
FIM DA 1ª VOLTA
18.ª jornada (sábado 19/01)
FC Arouca - Penafiel

 
Arouca

Segunda, 18 de Março de 2019

Actual
Temp: 11º
Vento: N a 2 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Ter
T 14º
V 3 km/h
Qua
T 14º
V 5 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Ainda acredita na viabilidade económica da Cafetaria Esplanada do Parque?
 
 
A Frase...

"Certamente que o 'Arouca' vai voltar à Primeira Liga num futuro próximo"

Quim Machado, treinador do FCA, em conferência de imprensa

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 31 visitantes online