SEGUNDA LIGA
 
P. Ferreira 1-0 FC Arouca
 
Thales contra Wagner
Um só golo derrotou o onze arouquense, que adia saída dos lugares incómodos da tabela
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
14.ª jornada - 02 Janeiro 2019
Jogo no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira - Espectadores: 1811
Árbitro - Rui Costa (AF Porto), auxiliado por Tiago Costa e João Bessa Silva.

Paços de Ferreira - Ricardo Ribeiro; Bruno Santos, Marco Baixinho, Junior Pius e Bruno Teles; Diaby, Luiz Carlos e Christian; Wagner (Uilton, 69), Douglas Tanque e Fatai (Pedrinho, 90').
Suplentes não utilizados: Carlos Henriques, Rui Correia, Vasco Rocha, Barnes e Ayongo.
Treinador: Vitor Oliveira

FC Arouca - Stefanovic; Thales, Massaia, Benny e Kiko; Soares, Didi (Bruno Alves, 72'), Sanchez (Fortes, 63') e Bertaccini (Bukia, 63'); Adílio e Malele.
Suplentes não utilizados: Rui Vieira, Deyvison, Toni Gomes e Arteaga.
Treinador: Quim Machado

Ao intervalo: 1-0
Marcador: 1-0 (Marco Baixinho, 12')

Arouca leve face a castores mais candidatos

Paços de Ferreira e FC Arouca voltaram a encontrar-se, agora pela primeira vez na II Liga. No 13.º encontro entre castores e arouquenses, a história pendeu mais uma vez para a equipa da capital do móvel, que somou seis vitórias contra apenas uma derrota diante da equipa de Arouca. Estados de espírito também diferentes a marcarem a penúltima jornada: de um lado um Paços de Ferreira "à moda de Vitor Oliveira", apenas cinco golos sofridos, do outro um FC Arouca em situação apertada na tabela. Frente a um dos mais fortes candidatos à I Liga, o FC Arouca apresentou as surpresas Bertaccini e Sanchez num onze inicial escalado num 4-4-2. Contudo, da primeira parte resultou Paços de Ferreira a mais para FC Arouca a menos. Dominador no meio campo (Luis Carlos e Diaby ganharam e distribuíram jogo como quiseram) e mais perigoso no ataque, a formação de Paços marcou cedo num pontapé de canto que Marco Baixinho emendou junto ao segundo poste. Doze minutos, apenas. Antes, já Cristian (3') tinha disparado um tiro ao poste e Bruno Santos (6') rematava com enorme perigo, mas ao lado. Os castores estavam donos do território e o FC Arouca muito leve na abordagem, perdendo quase todos os duelos e sem transições adequadas para o ataque. Boa primeira parte da equipa da casa, que por mais duas vezes podia ter marcado. Douglas Tanque (29') atirou ao poste, e Fatai (41') rematou por cima quando estava em boa posição. Em busca urgente de pontos, o FC Arouca só podia melhorar na capacidade de se impor no meio-campo para daí construir mais ataque. Quim Machado não tardou muito a mudar com dupla alteração aos 63', entrando Bukia e Fortes e o jogo foi ganhando mais momentos de equilíbrio, pelo que houve muito menos situações de perigo. Mais forte nas saídas para a frente, Paços de Ferreira não conseguiu matar o jogo em dois remates travados por Stefanovic (53' e 73') e acabou com algum sofrimento face às ameaças, sobretudo de bolas paradas, da equipa arouquense. Foram quinze minutos finais em o FC Arouca mais apareceu perto da área adversária, mas apenas numa delas, um livre de Kiko (77') levava ordem de golo, ordem retirada pelo bom desvio de Ricardo Ribeiro para canto. Vitória justa da equipa que mais se evidenciou em campo numa quarta-feira de futebol, com razoável assistência. O FC Arouca continua com três vitórias e colado ao fundo da classificação. 2019-01-03 Manuel Matos Sousa

SALA DE IMPRENSA >>>

Vitor Oliveira (treinador do Paços de Ferreira): "Nunca passamos por grandes aflições, embora na primeira parte estivéssemos melhor, com mais algumas oportunidades, entre elas duas bolas no poste. Foi uma vitória justa, difícil e suada, frente a uma boa equipa. Tivemos sempre o jogo controlado. Estávamos avisados para os lances de bola parada do Arouca e também estivemos bem a defender."

Quim Machado (treinador do FC Arouca): "Foi um jogo difícil com o principal candidato à subida. Na primeira parte não tivemos agressividade necessária para ganhar os duelos. Fomos passivos. Na segunda parte melhoramos. Na parte final, com maior lucidez podíamos ter criado situações para chegar ao golo do empate. A equipa trabalha, os jogadores trabalham nos treinos, temos tido a hipótese de ganhar jogos mas a nossa eficácia tem sido pouca. Falta-nos uma vitória, ganhar aumenta os índices de confiança."


II LIGA
14.ª jornada (4ª feira - 2 janeiro):
Varzim 2-1 FC Porto B (ant. 21/10)
Cova da Piedade 0-3 Mafra 3 (ant. 29/12)
Académica 2-1 Leixões (ant. 30/12)
Farense 5-0 UD Oliveirense (ant. 30/12)
Estoril 0-1 Penafiel
Covilhã 1-0 Braga B
V. Guimarães B 0-1 Famalicão
Paços de Ferreira 1-0 FC Arouca
Benfica B - Acad. Viseu (ad. 16/01)

PRÓXIMOS JOGOS FCA
15.ª jornada (domingo 06/01)
FC Arouca - Farense (15h00, sem tv)
16ª jornada (4ª feira 09/01)
Estoril - FC Arouca
17.ª jornada (domingo 13/01)
FC Arouca - UD Oliveirense
FIM DA 1ª VOLTA
18.ª jornada (sábado 19/01)
FC Arouca - Penafiel

 
Arouca

Segunda, 18 de Março de 2019

Actual
Temp: 11º
Vento: N a 2 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Ter
T 14º
V 3 km/h
Qua
T 14º
V 5 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Ainda acredita na viabilidade económica da Cafetaria Esplanada do Parque?
 
 
A Frase...

"Certamente que o 'Arouca' vai voltar à Primeira Liga num futuro próximo"

Quim Machado, treinador do FCA, em conferência de imprensa

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 36 visitantes online