SOCIEDADE
 
Freguesia de Mansores tem dois habitantes centenários
 
Centenário Álvaro Moreira rodeado da família
A vida na longevidade de um século
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
A freguesia de Mansores tem agora dois centenários: Álvaro Moreira atingiu os 100 anos e Henriqueta Silva chegou às 101 primaveras.
Dez filhos, 20 netos e 16 bisnetos tem Álvaro Pinho Moreira, natural e a residir no lugar da Ribeira. Completou 100 anos no passado dia 2 de Abril. A esposa, Maria Ferreira da Silva, faz 96 em Agosto e é natural de Vila Chã (Escariz). Estão casados há 74 anos, desde o dia 10 de Fevereiro de 1944. «Já tem 100 anos, mas come melhor que eu», disse a esposa, com um sorriso nos lábios.
Álvaro vive na casa que construiu desde 1953 e foi um pouco de tudo ao longo da sua vida. «Fazia o que aparecia, era o que dava, fui pedreiro, madeireiro, agricultor, enfim, tanta coisa!...», contou o agora centenário que, apesar das dificuldades próprias da adiantada idade, não se escusou em provocar momentos de boa disposição à medida que sorria e cantava.
Por outro lado, e segundo informações que também a família foi dando, Álvaro sempre gostou de se dedicar a causas públicas e a ajudar os outros na sua comunidade, nomeadamente na paróquia de Mansores, onde foi tesoureiro e juíz da cruz durante vários anos. Também sempre gostou de trabalhar e, aos 87 anos, contou também a família, ainda conduzia o seu tractor.
A família é extensíssima e só não é maior porque, e isto recorda a D. Maria, dois filhos gémeos, em vésperas do dia de Nossa Senhora de Fátima, faleceram no Hospital de Santo António, no Porto, isto porque, conta pesarosa, a mãe Maria Silva esteve tempo demais à espera para ter os filhos. Outra filha também faleceu, com sete meses, após um ataque de meningite.
Mas hoje a imensa árvore genealógica espalha-se por diversos pontos de Portugal até ao Brasil, Itália,
Cuba, enfim... Ao todo, e sem um número exacto, a família ascenderá aos 90 elementos.
Não conseguiram estar todos, por diferentes motivos, no passado dia de Abril, no dia de toda a felicidade, o 100º aniversários do senhor Álvaro.
Foi um dia de muitas lágrimas e de muita emoção para o senhor Álvaro e para toda a família. «Mais vale ser pobre e honrado do que rico e não ter honra», esta frase foi proferida pelo aniversariante Álvaro Pinho Moreira no seu dia feliz. Talvez seja esta a sua grande riqueza: a honestidade, humildade e bondade na longevidade de um século!
No lugar da Serra da Vila, mora Henriqueta Moreira da Silva, que, a 29 de Março, completou 101 anos. Viúva há 29 anos, a D. Henriqueta tem quatro filhos (um já falecido), sete netos e dois bisnetos.
Natural do lugar do Casal, Henriqueta foi sempre doméstica. «Foi sempre uma pessoa muito alegre e dedicada aos seus, à família, muito ligada ao campo, ela viveu uma vida sem vícios e foi três vezes ao Brasil visitar um filho seu, dizia que gostava muito do Brasil», disse o filho Ventura Leite sobre a mãe que agora se encontra mais debilitada do ponto de vista físico e mental.
O presidente da Junta de Freguesia, Jorge Oliveira, sublinha o número elevado de pessoas com idades superiores a 80 anos e com vidas ainda independentes na freguesia e atribui isso "à beleza natural" da terra e as repercussões que isso tem na "vida saudável" dos seus habitantes. Ruben Tavares 2018-05-10
 
Arouca

Domingo, 18 de Novembro de 2018

Actual
Temp: 11º
Vento: ESE a 2 km/h
Precip: 0 mm
Nublado
Seg
T 14º
V 3 km/h
Ter
T 11º
V 6 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Que área gostaria de ver reforçada nas GOP e Orçamento da CMA para 2019?
 
 
A Frase...

"Não discrimino nenhuma das antigas freguesias"

Ângelo Miranda, presidente da União de Freguesias de Arouca-Burgo", eleito pela coligação PSD/CDS, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 34 visitantes online