SOCIEDADE
 
Câmara divulga obras do Parque Urbano de Alhavaite
 
Imagem da intervenção final e trabalhos em curso
Projecto de requalificação das margens do ribeiro de Gondim em curso
 
   Mais fotos
  Outras acções...
 Enviar a um amigo
 sugerir site
Estão neste momento a decorrer os trabalhos de execução das infraestruturas eléctricas e das valetas e preparam-se as bases para os caminhos pedonais no âmbito da empreitada de requalificação das margens do ribeiro de Gondim - Parque Urbano de Alhavaite. Também já foram plantadas as árvores nas zonas limítrofes às áreas de intervenção, cuja obra teve início no último quadrimestre do ano passado.
A requalificação das margens do rio Gondim, nas imediações da rotunda de Alhavaite, na União de Freguesias Arouca e Burgo, prevê a criação de um corredor ecológico de fruição pública ao longo das margens daquele curso de água. Com a devida beneficiação da galeria ripícola, esta intervenção contribuirá para a educação ambiental e promoverá a preservação, qualificação, sustentabilidade e valorização do rio Gondim e do espaço natural envolvente.
Dada a importância ambiental e educacional desta requalificação, a Câmara Municipal conta com a colaboração e com os contributos da associação ambientalista Urtiarda, do Agrupamento de Escolas de Arouca e da Associação Geoparque Arouca.
A obra terá um custo global de € 538.312,14, financiada em cerca de 85% pelo Programa Operacional Norte 2020.
O novo parque urbano conta com um circuito de manutenção com um percurso de 800m e 14 estações/equipamentos para actividade física. Para os utentes sénior há um trajecto inferior, de 450m e quatro estações de manutenção.
Projecto do gabinete técnico da CMA, o resultado final resultará num sítio de contemplação e de usufruto do ribeiro de Gondim, estando também prevista a instalação de cinco pontes pedonais sobre a linha de água.
GCCMA 2018-01-09
 
Arouca

Sábado, 23 de Junho de 2018

Actual
Temp: 27º
Vento: ESE a 5 km/h
Precip: 0 mm
Céu Limpo
Dom
T 28º
V 2 km/h
Seg
T 20º
V 3 km/h
PUB.
PUB.
 
INQUÉRITO
Concorda com a descentralização das reuniões da CMA pelas várias freguesias?
 
 
A Frase...

"A Câmara atribuiu subsídios a fundo perdido a instituições que estão tecnicamente falidas"

Vítor Brandão, provedor da SCMA, em entrevista ao RV

EDIÇÃO IMPRESSA

RSS Adicione ao Google Adicione ao NetVibes Adicione ao Yahoo!
PUB.
Desenvolvido por Hugo Valente | Powered By xSitev2p | Design By Coisas da Web | 53 visitantes online